alice madness returns capa

Comentando: Alice: Madness Returns

Após longos 11 anos desde o lançamento do original American McGee’s Alice, sua continuação, Alice: Madness Returns, é um action platformer competente no que faz, mas ao mesmo tempo traz tantos defeitos que o torna muito perto de ser uma experiência medíocre (ou até mesmo péssima, o que talvez tenha acontecido para muitos fãs do…

dragonfall capa

Comentando: Shadowrun Dragonfall

Originalmente uma expansão de Shadowrun Returns, não demorou muito pra Dragonfall receber uma versão standalone, a qual analiso aqui. As diferenças entre ambas são coisas como HUD refeita, mais finais, mais missões, mais trilha sonora, etc. Há, principalmente, conteúdos que os devs queriam colocar desde o começo, mas não aconteceu por causa do tempo/escopo disponível…

waking mars liang

Comentando: Waking Mars

Agora que a NASA confirmou a descoberta de água líquida na superfície de Marte, este é um ótimo momento para falarmos deste simpático joguinho sci-fi o qual aborda justamente a descoberta de vida alienígena no planeta – mais especificamente em 2097. Originalmente lançado para iOS em 2012, Waking Mars tem como motivação inicial encontrar a sonda 0CT0, que após enviar algumas…

painters guild game

Comentando: Painters Guild

Na primeira vez que soube desse jogo, lá pelo ano passado, tive um momento irrefreável de euforia. Tudo porque Painters Guild, criação do porto-alegrense Lucas Molina, traz a proposta única de simular mais ou menos a vida de pintores italianos a partir do século XIV, seu processo de aprendizado, tendências artísticas, criação de uma guilda e,…

perdido em marte

O que tenho visto #2

E aqui estamos em mais um humilde postinho. Dessa vez, meu único recado é que, após sei lá quanto tempo, finalmente pude publicar a segunda parte da historinha sobre sexo nos gaems. Já comecei a terceira, mas o tópico em que parei, o PC moderno, é o mais extenso deles. Aiai… O que tenho assistido…

shadowrun hong kong capa

O que tenho visto & outros recados

Hello everyone! Ao contrário do formato tradicional dos meus posts, decidi experimentar uma abordagem mais descontraída, mais rápida de elaborar menos exagerada em ~perfeccionismos~ meus, que é um dos meus maiores impedimentos ao postar uma resenha logo; insisto ao máximo em querer escrever o melhor texto possível (aka “agora vou ter que rejogar isso aqui pra…

sunset tale of tales

O pôr-do-sol da Tale of Tales

Raramente chego a publicar notícias por aqui, mas essa em particular meio que repercutiu pra mim. Basicamente, o casal e fundadores da Tale of Tales, Auriea Harvey e Michaël Samyn, anunciaram neste domingo que estão se afastando da indústria de videogames. Eles contam, através desse texto, de como seu último trabalho, Sunset, foi um fracasso comercial tão grande…